Results for 'Conceito de Filosofia na escola'

1000+ found
Order:
  1. Conceitos de filosofia na escola e no mundo e a formação do filósofo segundo I. Kant.Marcos César Seneda - 2009 - Kriterion: Journal of Philosophy 50 (119):233-249.
    Este texto pretende discutir, do ponto de vista kantiano, o que pode ser ensinado e o que pode ser aprendido em Filosofia. Seu objetivo é construir os argumentos hipotéticos de Kant em face do método estruturalista de leitura de textos filosóficos. Para circunscrever este tema, aparentemente muito amplo, tomaremos como fio condutor um célebre texto de aula de I. Kant, publicado por G. B. Jäsche sob o título Manual dos Cursos de Lógica Geral. Kant ministrou este curso por mais (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  2. O conceito de direito na filosofia moral gadameriana.Saulo Monteiro de Matos - 2012 - Revista de Estudos Constitucionais, Hermenêutica E Teoria Do Direito 4 (1):90-101.
    Hans-Georg Gadamer é reconhecido como um dos mais importantes filósofos do famoso linguistic turn. Malgrado a aparente recepção de seus debates filosóficos no campo da hermenêutica jurídica e, mais recentemente, da ética do direito, o seu conceito de direito ou, mais precisamente, os fundamentos de uma possível filosofia do direito gadameriana nunca foram submetidos a uma investigação jusfilosófica mais detalhada. Em parte porque a maioria dos comentadores da obra de Gadamer continua a ler seus escritos com uma forte (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  3. A querela do conceito de massa na filosofia dos jovens hegelianos.Rafael Duarte Oliveira Venancio - 2016 - Controvérsia 12 (3):193-199.
    O presente artigo busca caracterizar a querela interna do Movimento Jovem-Hegeliano através da descrição e caracterização do conceito de massa/massificação dentro do pensamento de seus membros primeiros, a saber: Ludwig Feuerbach, David Strauss e Bruno Bauer.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  4. O conceito de identidade na filosofia e nos atos de linguagem.Rubens Dias Maia - 2008 - Dissertation, UFSCAR, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  5. O CONCEITO DE NOUS E SUA RELAÇÃO COM O CONCEITO DE DIANÓIA NA FILOSOFIA DE ARISTÓTELES.Alexandre Guedes Barbosa - 2015 - Inquietude 6 (2):52-74.
    Aristóteles, em sua obra De anima, além de apresentar uma intrigante teoria sobre intelecto (nous), que dá margem a uma compreensão bipartida do mesmo em ativo (nous poiētikos) e passivo (nous pathetikon), afirma que as afecções do intelecto são distintas das afecções de quem o possui. Uma das afecções deste que possui o intelecto, segundo o filósofo, é o raciocínio. Ademais, diz que este é perecível, ao passo que aquele é impassível e eterno. Desta maneira, longe de aclarar, acaba por (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  6.  52
    Do Ensino de Filosofia ao Filosofar: Reflexões Sobre o Conceito de Ação em Hannah Arendt.Edvan Tito Carneiro Guerra - 2018 - Saberes 18 (3):59-75.
    O objetivo deste artigo é discutir aspectos do ensino de Filosofia na educação básica à luz do conceito de ação firmado no capítulo V de ACondição Humana de Hannah Arendt, identificado na revelação do agente através do discurso e da ação. Sugerimos a reflexão do conceito de ação como consciência motivadora para o ensino de Filosofia, investindo em políticas educacionais que consideram a diversidade como um elemento favorável para a construção do conhecimento entre professores e alunos. (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7. O conhecimento científico e o conceito de substância na filosofia primeira de Aristóteles.Rafael Sacramento de Souza - 2016 - Dissertation, PUC-SP, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8. Sobre a recepção do conceito de Verantwortlichkeit de Wilhelm Windelband na antinomia das éticas da convicção e da responsabilidade de Max Weber/The reception of Wilhelm Windelband’s concept of Verantwortlichkeit in Max Weber’s antinomy between the ethic of conviction and the ethic of responsibility.Luis F. Roselino - 2013 - Seara Filosófica 7:1-12.
    In the following pages, the main proposal is to indicate how Max Weber has dialogued directly with some prerogatives from Kant’s Critic of practical Reason, following the reception of Wilhelm Windelband’s concept of “responsibility” (Verantwortlichkeit) and his theory of values. In sight of these influences, in this paper will be argued how Weber adherence to the neo-Kantian value concept has made possible a review on the categorical imperatives, which has turned his reading from Kantian philosophy to the proposal of an (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9. O Conceito do Trabalho: da antiguidade ao século XVI.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    SOCIOLOGIA DO TRABALHO: O CONCEITO DO TRABALHO DA ANTIGUIDADE AO SÉCULO XVI -/- SOCIOLOGY OF WORK: THE CONCEPT OF WORK OF ANTIQUITY FROM TO THE XVI CENTURY -/- RESUMO -/- Ao longo da história da humanidade, o trabalho figurou-se em distintas posições na sociedade. Na Grécia antiga era um assunto pouco, ou quase nada, discutido entre os cidadãos. Pensadores renomados de tal época, como Platão e Aristóteles, deixaram a discussão do trabalho para um último plano. Após várias transformações sociais (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  10.  99
    O Conceito de Pessoa Em Peter F. Strawson.Jacson Jonas Faller - 2011 - Publicações Eletrônicas ediPUCRS: Anais.
    O presente texto tem como objetivo uma explanação iniciática sobre o conceito de Pessoa em Peter Strawson a partir de sua obra Individuals – An Essay in Descriptive Metaphysics. O trabalho é dividido em quatro breves momentos. Primeiramente é explanado o conceito de Pessoa em um panorama geral do conceito; frisando a preocupação de Strawson em situar problemas ontológicos em seu Esquema Conceitual, respaldado, basicamente, pela linguagem ordinária. No segundo movimento da apresentação, trataremos do conceito de (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  11.  61
    Concepts of philosophy in the school and world and training of the philosopher according to E. Kant.Marcos Cesar Seneda - 2009 - Kriterion: Journal of Philosophy 50 (119):233-249.
    Este texto pretende discutir, do ponto de vista kantiano, o que pode ser ensinado e o que pode ser aprendido em Filosofia. Seu objetivo é construir os argumentos hipotéticos de Kant em face do método estruturalista de leitura de textos filosóficos. Para circunscrever este tema, aparentemente muito amplo, tomaremos como fi o condutor um célebre texto de aula de I. Kant, publicado por G. B. Jäsche sob o título Manual dos Cursos de Lógica Geral. Kant ministrou este curso por (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  12.  48
    História do pensamento social na Alemanha: uma abordagem histórica.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    HISTÓRIA DA SOCIOLOGIA: O DESENVOLVIMENTO DA SOCIOLOGIA I -/- A SOCIOLOGIA NA ALEMANHA -/- -/- HISTORY OF SOCIOLOGY: THE DEVELOPMENT OF SOCIOLOGY I -/- SOCIOLOGY IN GERMANY -/- -/- -/- Emanuel Isaque Cordeiro da Silva – IFPE-BJ, CAP-UFPE e UFRPE. E-mail's: eisaque335@gmail.com e eics@discente.ifpe.edu.br. WhatsApp: (82)9.8143-8399. -/- PREMISSA -/- Na Alemanha, a Sociologia foi profundamente influenciada pela discussão filosófica, histórica e metodológica que se desenvolveu entre o final do século XIX e o início do século XX. Em seus fundamentos encontra-se (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  13.  57
    Filosofia como "Produto" ou como "Processo"?Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    FILOSOFIA COMO PRODUTO OU COMO PROCESSO? -/- PHILOSOPHY AS A PRODUCT OR AS A PROCESS? -/- Por: Emanuel Isaque Cordeiro da Silva – IFPE-BJ, CAP-UFPE e UFRPE. E-mails: eisaque335@gmail.com e eics@discente.ifpe.edu.br WhatsApp: (82)9.8143-8399. -/- -/- PREMISSA -/- Nos trabalhos anteriores, na área filosófica, trabalhei a importância da filosofia no ensino médio e a responsabilidade pedagógica do professor. Doravante, compartilho agora da experiência daqueles que já se debruçaram sobre aquelas questões, acrescentando outras indagações: "Que fins pretendo alcançar com meu (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  14.  66
    Breve Histórico do Ensino de Filosofia no Brasil.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    O ensino de filosofia seguiu uma rota tortuosa desde a colônia até os tempos atuais. O breve histórico desse percurso tem o objetivo de reafirmar a necessidade dessa disciplina no currículo escolar, sobretudo porque sempre há aqueles que a consideram de pouca importância. No entanto, em um mundo cada vez mais pragmático, a formação exclusivamente técnica de nossos jovens dificulta o processo de conscientização crítica, além de desprezar a herança de uma sabedoria milenar. Os primeiros tempos No Brasil, desde (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  15. A Educação de Jovens e Adultos como Transformação Social.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva & Meuri Rusy Maria do Nascimento - 2017 - Dissertation,
    Monografia apresentada à banca examinadora da Escola Municipal Manuel Teodoro de Arruda, anexa do Colégio Frei Cassiano de Comacchio em Belo Jardim, para a obtenção do título de concluinte do curso de Normal Médio, oferecido pela instituição. A natureza do trabalho, em suma, consiste em apresentar perspectivas de trans formação social para a comunidade de jovens e adultos, o principal programa cunho do trabalho é a Educação de Jovens e Adultos a EJA, e como esse programa intervém na sociabilidade (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  16. O conceito do belo em Agostinho de Hipona.Rogério Miranda de Almeida - 2019 - Basilíade - Revista de Filosofia 1 (1):09-23.
    Estas reflexões têm como principal objetivo mostrar como a concepção do belo em Agostinho de Hipona é tributária da tradição platônico-aristotélica e das Escrituras. No que tange à primeira influência, a ênfase é colocada nas noções de simetria, de proporção, de forma, de unidade e, portanto, de belo. No que diz respeito às Escrituras, Agostinho considera em primeiro lugar o papel da criação e a ação de Deus no universo como o Ser a partir do qual todas as coisas se (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  17.  70
    Ἀλήθεια como desvelamento: Heidegger sobre o conceito de verdade em Platão e consequente crítica.Gabriel Debatin - 2018 - Synesis 10 (1):59-74.
    O presente artigo aduz a interpretação de Martin Heidegger do conceito de ἀλήθεια – tradicionalmente traduzido por verdade – na filosofia de Platão, a partir da célebre alegoria da caverna presente na República. Segundo o posicionamento inicial de Heidegger, ἀλήθεια era originalmente pensada pelos gregos como desvelamento até Platão, com quem o sentido do termo se transforma e passa a expressar a retitude da percepção. Contudo, as críticas filológicas proferidas contra Heidegger por Paul Friedländer fizeram com que seu (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  18.  21
    Aspectos metafísicos na física de Newton: Deus.Bruno Camilo de Oliveira - 2011 - In Luiz Henrique de Araújo Dutra & Alexandre Meyer Luz (eds.), Coleção rumos da epistemologia. Florianópolis, SC, Brasil: pp. 186-201.
    CAMILO, Bruno. Aspectos metafísicos na física de Newton: Deus. In: DUTRA, Luiz Henrique de Araújo; LUZ, Alexandre Meyer (org.). Temas de filosofia do conhecimento. Florianópolis: NEL/UFSC, 2011. p. 186-201. (Coleção rumos da epistemologia; 11). -/- Através da análise do pensamento de Isaac Newton (1642-1727) encontramos os postulados metafísicos que fundamentam a sua mecânica natural. Ao deduzir causa de efeito, ele acreditava chegar a uma causa primeira de todas as coisas. A essa primeira causa de tudo, onde toda a ordem (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  19. Conhecimento racional por conceitos (filosofia) e conhecimento racional por construção de conceitos (matemática).Marcos Seneda - 2018 - Estudos Kantianos 6 (2):45-52.
    A distinção entre filosofia e matemática enquanto modos de operação da razão tem presença marcante nos cursos de Lógica de Kant, mas igualmente articula diversas soluções de problemas no interior do pensamento crítico. No entanto, ela data do período pré-crítico, tendo se tornado bem explícita já na obra Investigação sobre a distinção dos princípios da teologia natural e da moral (1764). Quase duas décadas depois, essa distinção será retomada na “Doutrina transcendental do método”, contida na Crítica da razão pura (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  20.  90
    Considerações do Conceito de Tempo na Leitura do Livro IV da Física de Aristóteles.Marcos Jaques - manuscript
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  21.  74
    Reflexões sobre a Metodologia do Ensino de Filosofia.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    REFLEXÃO SOBRE A METODOLOGIA DO ENSINO DE FILOSOFIA -/- -/- REFLECTION ON THE METHODOLOGY OF PHILOSOPHY TEACHING -/- -/- Por: Emanuel Isaque Cordeiro da Silva – IFPE-BJ, CAP-UFPE e UFRPE. E-mails: eisaque335@gmail.com e eics@discente.ifpe.edu.br. WhatsApp: (82)9.8143-8399. -/- -/- -/- Etimologicamente, a palavra método é constituída pelos termos gregos metá, "por meio de", e hodós, "caminho". O método é, portanto, um "caminho por meio do qual" chegamos a um fim, atingimos determinado objetivo. -/- Vejamos qual é o desafio para o (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  22. O conceito de angústia na teoria freudiana inicial / The concept of anxiety in Freud’s early theory.Caropreso Fátima & Aguiar Marina Bilig - 2015 - Natureza Humana 17 (1):1-14.
    From the very beginning of his career, Freud tried to define anxiety. The most widespread hypothesis among Freudian scholars is that he developed two theories of anxiety. In the first one, anxiety is conceived as resulting from the transformation of sexual energy that could not be properly discharged. In the second hypothesis, in turn, the concept of anxiety as a reaction to danger is emphasized. This paper sets out to discuss Freud’s early views on affect and anxiety and argues that, (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  23. Da impossibilidade de uma relação de self-ownership: o dualismo ontológico na ilusão da auto-propriedade.Diego Ramos Mileli - 2018 - Revista Trágica: Estudos de Filosofia da Imanência 11 (2):105-126.
    O conceito de self-ownership é frequentemente utilizado nos campos da Ética e da Filosofia Política para justificar ou negar a justeza de determinadas situações, atos ou práticas. As críticas a tal conceito são predominantemente focadas em seus corolários. No presente artigo a análise se concentra sobra as condições de possibilidade da existência de uma relação de propriedade de si mesmo – auto-propriedade – procurando-se demonstrar a impossibilidade de tal relação pela ausência de multiplicidade de elementos que possam (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  24.  72
    Panorama Histórico dos Problemas Filosóficos.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    Antes de entrar cuidadosamente no estudo de cada filósofo, em suas respectivas ordens cronológicas, é necessário dar um panorama geral sobre eles, permitindo, de relance, a localização deles em tempos históricos e a associação de seus nomes com sua teoria ou tema central. l. OS FILÓSOFOS PRÉ-SOCRÁTICOS - No sétimo século antes de Jesus Cristo, nasce o primeiro filósofo grego: Tales de Mileto2 . Ele e os seguintes filósofos jônicos (Anaximandro: Ἀναξίμανδρος: 3 610-546 a.C.) e Anaxímenes: (Άναξιμένης: 586-524 a.C.) tentaram (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  25. Métodos axiomáticos: a interpretação matemática de Lawvere da lógica de Hegel.Nicholas Corrêa - manuscript
    O pensamento axiomático de Hilbert foi um influente modelo filosófico que motivou movimentos como o positivismo no início do século XX, em diversas áreas dentro, e fora, da filosofia, como a epistemologia e a metamatemática. O formalismo axiomático fornece, através do uso da lógica de primeira ordem, uma importante fundação para modelos lógicos formais, o que, para Hilbert, representaria um modelo universal de investigação empírica, não só para a matemática, mas para todas as ciências naturais, e pela visão positivista, (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  26.  53
    O tempo da vida do espírito na filosofia de Gaston Bachelard.Fernando Machado - 2018 - Cadernos Cajuína.
    Nosso objetivo é mostrar como Bachelard edifica a noção de vida em sua filosofia ao esboçar uma reflexão sobre o problema filosófico do tempo junto às noções de instante e duração. O livro A intuição do instante (1932), obra dedicada a esta reflexão metafísica sobre o tempo confluindo, quatro anos mais tarde, para A dialética da duração (1936), obra que, por sua vez, define o conceito de duração a partir das várias temporalidades superpostas constitutivas da própria existência, são (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  27. Tempo e conceito: Arendt, leitora de Hegel.Nuno Pereira Castanheira & José Pinheiro Pertille - 2018 - Revista Dialectus 12:374-399.
    A obra de Hannah Arendt tem uma forte presença hegeliana, seja em virtude de convergências temáticas, seja em virtude de divergências fundamentais do ponto de vista metodológico, ontológico e político. Salvaguardadas as diferenças de detalhe no tratamento dessas questões, as convergências temáticas fazem-se notar na distinção entre social e político e no lugar que a singularidade ocupa nas suas teorias políticas. A sua divergência fundamental diz respeito à filosofia da história, à noção de temporalidade que lhe está associada e (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  28.  84
    O conceito de possibilidade objetiva como uma operação científica para correção de erros na metodologia weberiana.Henrique F. F. Custódio - 2016 - In Marcos César Seneda & Henrique F. F. Custódio (eds.), Max Weber: religião, valores e teoria do conhecimento. Uberlândia, MG, Brasil: pp. 169-200.
    No capítulo, O conceito de possibilidade objetiva como uma operação científica para correção de erros na metodologia weberiana, examinamos a maneira pela qual, para Max Weber, o juízo de possibilidade objetiva permite avaliar a possibilidade de uma causa beneficiar ou não o surgimento de um fato real. Após essa análise, o argumento se concentra na explicação do propósito lógico-metodológico da conexão de sentido causal, construída a partir do conceito de possibilidade objetiva. Propomos que esse quadro teórico é utilizado (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  29. Dignity of the Human Person in Kant's Moral Philosophy (Dignidade da Pessoa Humana Na Filosofia Moral de Kant).Bruno Cunha Weyne - 2007 - Themis: Revista da Escola Superior da Magistratura do Estado do Ceará 5 (1):15-41.
    The present article aims to analyze systematically the formularization of Kant on the dignity of the human person, in order to offer a interpretative direction to the jurists at the moment of the application of this principle, which today appears as one of the beddings of the Democratic State of Law(art. 1o, III, of the Federal Constitution of 1988). To carry through such task, the work is divided in two parts: the first one studies the conceptual elements of the moral (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  30.  92
    Filosofia das massas no pós-modernismo: simulacro, multiplicidade, jogos de linguagem e multitude.Rafael Duarte Oliveira Venancio - 2010 - Akrópolis 18 (3):183-194.
    O presente artigo busca analisar como o conceito de massas é analisado na filosofia dita pós-moderna. Usando a intersecção entre Filosofia da Linguagem e Filosofia Política, o conceito se metamorfoseia em diversos autores (Jean-François Lyotard, Jean Baudrillard, Roland Barthes, Gilles Deleuze) para desembocar naqueles que trabalham o conceito atualmente em filosofia: Michael Hardt e Antonio Negri.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  31. A vida e as fontes da normatividade: por uma história natural do conceito.Herivelto Pereira de Souza - 2010 - Dissertation, Universidade de São Paulo
    A posição filosófica chamada de externismo semântico caracteriza-se pela tese segundo a qual a individuação do conteúdo de estados mentais deve recorrer a fatores que não podem ser localizados na região geralmente circunscrita pela noção mesma de mente. Tal tese implica, em todo caso, que a suposta interioridade da vida psicológica não se basta para tornar inteligível as condições de possibilidade que o pensamento conceitual requer. Assim, se fatores externos aos indivíduos são vistos como desempenhando uma contribuição decisiva na própria (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  32.  61
    O Pensamento Social dos Estados Unidos: uma abordagem histórica.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    HISTÓRIA DA SOCIOLOGIA: O DESENVOLVIMENTO DA SOCIOLOGIA I -/- A SOCIOLOGIA NOS ESTADOS UNIDOS -/- -/- HISTORY OF SOCIOLOGY: THE DEVELOPMENT OF SOCIOLOGY I -/- SOCIOLOGY IN UNITED STATES -/- -/- Emanuel Isaque Cordeiro da Silva – IFPE-BJ, CAP-UFPE e UFRPE. E-mails: eisaque335@gmail.com e eics@discente.ifpe.edu.br WhatsApp: (82)9.8143-8399. -/- -/- PREMISSA -/- A Sociologia nos Estados Unidos desenvolveu-se no contexto de dois grandes eventos que marcaram profundamente a história do país. -/- O primeiro foi a Guerra de Secessão (também conhecida como (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  33. Crítica à Metafísica.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva & Alana Thaís da Silva - manuscript
    -/- FILOSOFIA: CRÍTICA À METAFÍSICA -/- PHILOSOPHY: CRITICISM TO METAPHYSICS -/- Por: Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - UFRPE Alana Thaís Mayza da Silva - CAP-UFPE RESUMO: A Metafísica (do grego: Μεταφυσική) é uma área inerente à Filosofia, dito isto, é uma esfera que compreende o mundo e os seres humanos sob uma fundamentação suprassensível da realidade, bem como goza de fundamentação ontológica e teológica para explicação dos dilemas do nosso mundo. Logo, não goza da experiência e explicação (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  34.  77
    Karl Marx: Trabalho e Classes Sociais.Emanuel Isaque da-Silva, Alana Thaís Mayza da Silva & Eduarda Carvalho Fontain - manuscript
    WEBARTIGOS -/- KARL MARX: TRABALHO E CLASSES SOCIAIS Publicado em 12 de June de 2019 por Emanuel Isaque cordeiro da silva -/- KARL MARX: TRABALHO E CLASSES SOCIAIS(1) -/- KARL MARX: WORK AND SOCIAL CLASSES -/- Alana Thaís Mayza da Silva - CAP-UFPE(2) Eduarda Carvalho da Silva Fontain - CAP-UFPE(3) Emanuel Isaque Cordeiro da Silva – IFPE-BJ, CAP-UFPE e UFRPE(4) -/- Dentro do mundo marxista, como para a Sociologia, a fundamental e principal obra de Karl Marx foi O capital (1867 (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  35. Anaxágoras: uma filosofia da natureza em resposta a questões parmenídicas.Erick de Oliveira Santos Costa - 2016 - Dissertation, UFRRJ, Brazil
    Nossa pesquisa é pautada na tentativa de compreender alguns conceitos da filosofia aristotélica, mais especificamente as noções de forma, matéria, privação e potência, e um pouco sobre a metodologia usada pelo filósofo. As linhas abaixo compõem um capítulo da minha monografia de fim de curso, intitulada Dialogo com a tradição: A conquista de novas convicções acerca dos princípios de natureza no primeiro livro da Física aristotélica, realizada na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Nela tratei a respeito da (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  36. Breves Divergências entre Filosofia e Ciências.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    Com o conceito de Filosofia já explicado no trabalho (DOS PROBLEMAS FILOSÓFICOS E SUAS CARACTERÍSTICAS), podemos agora conferir uma ideia mais clara da filosofia se a compararmos com o conhecimento científico tal como atualmente se entende, isto é, com as ciências experimentais. Uma vez a filosofia sendo distinguida com relação às ciências experimentais, faremos uma comparação das soluções que outorgam os dois níveis de conhecimento frente ao mesmo assunto para elucidar, por exemplo, na frente do homem, (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  37. A fundamentação do conceito de possibilidade objetiva na metodologia weberiana.Henrique F. F. Custódio - 2012 - Dissertation,
    Esta dissertação investiga a fundamentação do conceito de possibilidade objetiva, elaborado por Max Weber em sua obra Estudos críticos sobre a lógica das ciências da cultura. Foi aqui examinado, particularmente, a segunda seção intitulada “Possibilidade objetiva e causação adequada na consideração causal da história”. Na primeira parte deste trabalho, procurou-se analisar a fundamentação do conceito de possibilidade objetiva na metodologia weberiana, que refere-se basicamente a um modo de imputação causal aplicado às ciências da ação. Desse modo, o propósito (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  38. Poesia, instante vertical e solidão na fenomenologia poética de Gaston Bachelard.Fernando Machado - 2016 - Ekstasis: Revista de Hermenêutica E Fenomenologia.
    O presente artigo ambiciona discutir dois conceitos importantes presentes na última fase da filosofia poética de Gaston Bachelard, onde o pensador adotou o método fenomenológico das imagens poéticas, são eles: solidão e instante vertical. Logo em seguida, demonstraremos de que modo esses dois conceitos que são, diga-se de passagem, um tanto quanto curiosos, se conectam e, em certa medida, autorizam o pensador a definir precisamente o que é essa poesia produzida pelo artista, bem como, o impacto de uma obra (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  39. Émile Durkheim: Coesão e Fato Social.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - unknown
    Émile Durkheim: Coesão e Fato Social -/- Emanuel Isaque Cordeiro da Silva E-mails: eisaque335@gmail.com / eics@discente.ifpe.edu.br WhatsApp: (82)9.8143-8399 -/- Émile Durkheim: Coesão e Fato Social Nascido em 1858, Durkheim era francês e foi bastante influenciado pela obra do filósofo também francês Augusto Comte (1798-1857), que metodizou pela primeira vez o estudo da sociedade (Sociologia) como uma ciência particular e peculiar, e que também conectou a Sociologia com alguns artífices peculiares das Ciências Naturais. Em contrapartida, Durkheim procurou alicerçar a Sociologia como (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  40. O objeto transicional de Winnicott na formação do conceito de objeto a em Lacan / Winnicott’s transitional object in the formation of the Lacanian concept of object a.Vorcaro Angela & Lucero Ariana - 2015 - Natureza Humana 2017 (1):15-31.
    This article aims to indicate possible approximations between the Lacanian concept of object a and the Winnicottian concept of transitional object. Initially, the Lacanian references to Winnicott’s work are mostly critics, e.g. in the Seminar 4 (1956-1957/1995), which debates the issue of object relation. Nevertheless, a few years later, in the Seminar 15 (1967-1968), an association between the object a and the transitional object is explicitly stated by Lacan, accompanied by a strong recognition of the English psychoanalyst’s work. Through this (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  41.  42
    Aspectos fundamentais da problemática semântica na doutrina da virtude de Kant.Alexandre Hahn - 2006 - Kant E-Prints 1:57-88.
    Este artigo pretende mostrar que e como ocorrem, na Doutrina da virtude de Kant, problemas relativos aosentido e referência dos juízos e conceitos fundamentais dessa obra, isto é, problemas semânticos. Tendo em vistaesse fim, explicitaremos de forma breve o desenvolvimento dessa problemática na filosofia prática de Kant e, em seguida, realizaremos a análise da Doutrina da virtude a partir do ponto de vistasemântico, a fim de identificar os mencionados problemas e as soluções fornecidas por Kant para estes problemas. -/- (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  42.  6
    A RECEPÇÃO DE HERÁCLITO NA FILOSOFIA DE NIETZSCHE.Newton Pereira Amusquivar Jr - 2019 - Dissertation, University of Campinas
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  43. O Holismo Linguístico na Hermenêutica Filosófica de Hans-Georg Gadamer: uma análise a partir do conceito de imagem (Bild).Saulo Monteiro Martinho de Matos - 2016 - Peri 8 (1):279-297.
    This study sheds light on Gadamer’s hermeneutical thought by means of an analysis of the fundamental concept “image” (Bild). The central hypothesis of this study consists in regarding Gadamer’s philosophy as a defense of an holistic model for human sciences, which can be regarded in opposition to an atomistic model. Whereas atomism states that social phenomena should be reduced to singular actions, holism claims that there are substantial or ontological differences between individual and social phenomena or facts. Thus, the concept (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  44. A CAÇA À SABEDORIA: a sophia a partir da Apologia de Platão.Carlos Augusto de Oliveira Carvalhar - 2020 - Dissertation, UFRJ, Brazil
    This is a study of sophía from the passage 20d-21a in Plato’s Apology. There, Socrates tries to understand what kind of wisdom he would have, since the Oracle of Delphi stated that no one would be wiser than him. An investigation of historical aspects was made to understand the trial of Socrates and conviction, also a mapping of sophía’s main uses through the corpus platonicum was built, as well an overview of the usage of this concept by others greek authors. (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  45. Noção de Representação na Ciência da Informação: Concepções a Partir da Filosofia de Arthur Schopenhauer.Julianne Teixeira E. Silva - 2016 - Dissertation, UFPB, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  46. O projeto de filosofia primeira na metafísica de Aristóteles.Fernando Matheus Falkoski - 2014 - Dissertation, Universidade Federal da Fronteira Sul, Brazil
    This monograph (TCC) analyzes the concept of prote philosophia in Aristotle's Metaphysics in order to infer what the real subject of study of the science that Aristotle intends to ground in this work. To do so, we will try to explain some Aristotelian conceptions of metaphysics as first philosophy analyzing the first causes and the first principles. Aristotle, in book IV, proposes a science that considers the study of being qua being and the properties that belong to it as such, (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  47.  37
    O anarquismo e o estímulo à inovação científica.Bruno Camilo de Oliveira - 2021 - Inovação Na Educação Superior Brasileira: Metodologia E Casos.
    CAMILO, Bruno. O anarquismo e o estímulo à inovação científica. In: SOUZA, Poliana Mendes de. (org.). Inovação na educação superior brasileira: metodologia e casos. Recife: Even3 Publicações, 2021. p. 57-73. -/- Este trabalho, inserido na subárea da filosofia da ciência, possui como tema principal o “anarquismo metodológico” tal como é apresentado pelo filósofo da ciência Paul Feyerabend. O objetivo geral é apresentar o modo como o “anarquismo metodológico”, tal como exposto em Feyerabend (2007), pode contribuir para resolver o problema (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  48. Temas em Filosofia Contemporânea.Jaimir Conte & Cezar Mortari - 2014 - Florianópolis, SC, Brasil: NEL/UFSC.
    Sumário: 1. O conceito de revolução, Amélia de Jesus Oliveira; 2. Mudanças de concepção de mundo, Artur Bezzi Günther; 3. Habilidade e causalidade: uma proposta confiabilista para casos típicos de conhecimento, Breno Ricardo Guimarães Santos; 4. El realismo interno de Putnam y sus implicaciones en la filosofía de la ciencia y para el realismo científico, Marcos Antonio da Silva; 5.O papel da observação na atividade científica segundo Peirce, Max Rogério Vicentini; 6.Fact and Value entanglement: a collapse of objective reality?, (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  49.  92
    Síntese e formação de conceitos empíricos na crítica da razão pura.Elliot Santovich Scaramal - 2013 - XV Colóquio Kant da Unicamp: Intuições Sem Conceitos São Cegas (Caderno de Resumos).
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  50. Entre apostas e heranças: contornos africanos e afro-brasileiros na educação e no ensino de filosofia no Brasil.Wanderson Flor do Nascimento - 2020 - Rio de Janeiro, RJ, Brasil: NEFI.
    Reflexões, desde as filosofias africanas, sobre a educação, o ensino de filosofia e as relações raciais na educação brasileira.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
1 — 50 / 1000