O problema do conhecimento dos primeiros princípios em Aristóteles: indução, inteligência, dialética e diaporemática

Dissertation, University of Campinas (2009)
  Copy   BIBTEX

Abstract

Essa dissertação de mestrado cuida do problema do conhecimento dos primeiros princípios em Aristóteles, mais precisamente, das vias de acesso adequadas a provê-lo. Dada a primordialidade de um tal conhecimento, erige-se a questão de método: por qual via estaria garantido o acesso àquilo que constitui todo o fundamento e “razão para” do edifício do conhecimento filosófico e científico? Aristóteles, nos Segundos Analíticos, atribui à indução (epagoge) e à inteligência (nous) este papel, mas nos Tópicos o filósofo menciona que a dialética é util aos primeiros princípios. O propósito maior desta pesquisa está não tanto no conciliar estes métodos, procurando atribuir alguma significação tanto aos Segundos Analíticos quanto aos Tópicos, mas no procurar viabilizar alguma fala da dialética no que concerne ao conhecimento dos primeiros princípios, sem, contudo, extrapolar o que parece estar autorizado a partir da leitura dos textos aristotélicos. Neste intento, propõe-se a análise da diaporemática de que cuida Aristóteles em Metafísica Β, visando investigar se esta de algum modo excede a dialética nos limites com as quais esta se debate.

Analytics

Added to PP
2016-06-16

Downloads
184 (#43,159)

6 months
19 (#52,216)

Historical graph of downloads since first upload
This graph includes both downloads from PhilArchive and clicks on external links on PhilPapers.
How can I increase my downloads?