O "Eu", a Autoria e os Vlogs: Formas Históricas do poder-dizer

Anais Do SEAD 7:1-9 (2015)
  Copy   BIBTEX

Abstract

Uma entrada produtiva para explorar o funcionamento discursivo das textualidades digitais é o modo como a autoria se relaciona com a inscrição político-ideológica do sujeito, historizando o discurso em suas diferentes materialidades significantes2. Para este trabalho, trago compreensões sobre os vlogs (videologs) que circulam e são produzidos para a plataforma YouTube. Nos vlogs, a tomada de posição de um “eu”, no efeito de falar diretamente para a câmera e assumindo o “falar sobre” (a vida pessoal, fatos cotidianos, comentários sobre acontecimentos midiáticos, ciência e política, e dicas de atividades específicas ligadas a jogos de videogames, beleza e gastronomia) se dá no encontro de uma formulação estruturada pela imbricação de diferentes materialidades significantes (a imagem, o corpo, a sonoridade, a língua) e os rituais de criação de um vlog regulamentados e determinados pelo e no YouTube.

Author's Profile

Analytics

Added to PP
2019-06-13

Downloads
133 (#54,346)

6 months
20 (#59,216)

Historical graph of downloads since first upload
This graph includes both downloads from PhilArchive and clicks on external links on PhilPapers.
How can I increase my downloads?