Order:
  1. A crítica de Cicero à retórica estoica.Diogo Luz - 2020 - XX Semana Acadêmica Do PPG Em Filosofia da PUCRS, Vol 1.
    Neste texto será analisada a crítica de Cícero à retórica dos estoicos. Primeiramente é feita uma exposição da retórica estoica de acordo com os testemunhos que nos chegaram. Em seguida, são mencionadas as críticas de Cícero aos estoicos. Após isso, é argumentado que as críticas ciceronianas ocorrem em função de sua retórica ter um objetivo diferente da retórica estoica. Em vista disso, torna-se relevante perceber que os estoicos tinham motivos para se oporem à crítica de Cícero.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  2. A Liberdade em Epicteto.Diogo Luz - 2017 - Prometeus: Filosofia em Revista 10 (22):11-28.
    A concepção de mundo estoica é fundamentada por uma rede causal de relações determinadas pela natureza. O destino faz parte dessas relações, problematizando a questão da liberdade num ambiente determinista. Levando em consideração esse legado teórico, Epicteto coloca a liberdade nas escolhas do indivíduo em relação a essas determinações, que ele atribui à providência divina.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  3. A Psicologia de Epicteto.Diogo Luz - 2018 - Polymatheia 11 (18):90-112.
    Resumo: O presente artigo aborda a dimensão psicológica da filosofia de Epicteto. Para tal, exploramos inicialmente a distinção epictetiana entre as coisas que dependem de nós e as que não dependem, visto que é por meio dela que o filósofo separa o que é interno do que é externo. Ao fazer isso, ele foca a abordagem ética naquilo que é interno, pois afirma que é isso que depende de nós (ἐφ ̓ ἡμῖν). Dentre as ações que são ἐφ ̓ ἡμῖν, (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  4. Cicero's Criticism Of Stoic Rhetoric.Diogo Luz - 2020 - Prometheus 13 (33):423-433.
    My goal with this article is to present the elements involved in Cicero's criticism of Stoic rhetoric. First, I will present the rhetoric of the Stoics based on the testimonies we have left on these philosophers. Soon after, I will expose Cicero's criticisms of the Stoics. Next, I will argue that Cicero's criticisms arise because his proposal with rhetoric is different from the Stoics' proposal. Due to this difference, it is necessary to understand that the Stoics, on the other hand, (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  5. Exercícios Filosóficos em Epicteto.Diogo Luz - 2018 - Intuitio 11 (2):17-33.
    O presente artigo trata do pensamento de Epicteto pelo viés do exercício (áskēsis), ou seja, por meio de práticas que conduzem ao aperfeiçoamento de quem elege para si o ofício de filósofo. Para tal, inicialmente esclarecemos o que significam os exercícios na filosofia antiga, tendo como subsídio as teses de Pierre Hadot. Logo depois, exploramos seis exercícios que consideramos centrais para o filósofo de Nicópolis, contextualizando com os ensinamentos que estão envolvidos e descrevendo as principais características de seu método. Por (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  6.  57
    O cosmopolitismo estoico.Diogo Luz - 2019 - In Giovane Martins Vaz, Renata Floriano de Sousa, Bruna Fernandes Ternus, Camila Palhares Barbosa & Eduardo Garcia Lara (eds.), XIX Semana Acadêmica do PPG em Filosofia da PUCRS Vol. 3. Porto Alegre, RS, Brasil: pp. 23-30.
    Devido à racionalidade, portanto, o ser humano tem a capacidade de ampliar seus horizontes de modo a compreender a estrutura racional que o conecta com os demais seres humanos e com a dimensão espiritual do lógos. Sendo assim, de acordo com a filosofia estoica, certamente estarão fadadas ao erro quaisquer concepções políticas que não considerem essa dimensão cosmopolita que se projeta não só para toda a humanidade, mas também para uma conexão com o ordenamento natural.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7. O Hábito como Exercício Filosófico em Epicteto.Diogo Luz - 2018 - Prometeus: Filosofia em Revista 11 (27):81-96.
    O hábito para os estoicos deve ser entendido de modo diferente da maneira descrita por Platão ou Aristóteles. Dado que, para estes, a formação do caráter é considerada a partir de uma psicologia que aborda a alma por meio de partes distintas, tal interpretação os levou a descrever o hábito como um elemento fundamental para a educação da parte irracional da alma, enquanto a parte racional é educada por meio da razão. Para os estoicos, no entanto, o hábito se faz (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8. Os kathekonta estoicos na pandemia.Diogo Luz & Fernando Fontoura - 2020 - Diagnóstico Do Tempo: Implicações Éticas, Políticas E Sociais da Pandemia.
    Em função da pandemia de Covid-19, o ano de 2020 marcou a vida de todos. Em escala global, exigiu-se da população restringir as interações físicas o que fosse possível. Ainda assim, as interações sociais permaneceram, tanto as remotas, proporcionadas pela tecnologia da internet e das comunicações, quanto as presenciais, incluindo nestas as indispensáveis ou não. Portanto, mesmo que se entenda que a pandemia tenha ocasionado restrições sociais, em muitas ocasiões talvez seja melhor dizer que ela ocasionou restrições físicas à sociabilidade. (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9. Os Sofrimentos da Alma: As Paixões sob a Perspectiva do Estoicismo ( The sufferings of the Soul: The passions under the Stoicism perspective ).Diogo Luz - 2019 - Princípios: Revista de Filosofia (Ufrn) 26 (49):109-132.
    Resumo: Neste artigo exploramos a concepção estoica de πάθος, suas causas e consequências. Inicialmente abordamos o modo como as paixões se encaixam na ética estoica, uma vez que elas se mostram como impedimentos para aquele que quer viver melhor. Logo depois, analisamos os debates realizados no seio da escola, os acréscimos e os aperfeiçoamentos teóricos. Por fim, mostramos a distinção entre πάθη, προπάθειαι e εὐπαθεῖαι, pois isso propicia uma melhor compreensão da dimensão emocional da psicologia da Stoa, servindo principalmente para (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  10. Spinoza e as Ciências Sociais.Diogo Luz - 2017 - Intuitio 10 (1):135-149.
    O objetivo do presente artigo é expor os motivos porque Frédéric Lordon assinala a necessidade de as ciências sociais precisarem de uma fundamentação filosófica spinozista. Para isso, inicialmente, explicitamos as carências que o filósofo encontra nos estudos sociais, e, logo depois, analisamos a forma como a filosofia de Spinoza se encaixa como base teórica de fundamentação. Demonstramos o modo como Lordon se apropria dos termos spinozistas para justificar seu insight, pois, dessa maneira, podemos esclarecer como elementos da ética de Spinoza (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark