Order:
See also
Gabriel Debatin
Federal University of Santa Catarina
  1. Aproximando-se da distância: as principais disparidades do pensamento fraco de Vattimo ante a ontologia heideggeriana.Gabriel Debatin - 2019 - Ekstasis: Revista de Hermenêutica E Fenomenologia 8 (1):183-200.
    O presente ensaio pretende apresentar uma série de distanciamentos fundamentais entre o pensamento do italiano Gianni Vattimo, centrado no conceito de pensamento fraco, com a ontologia heideggeriana. A problemática consiste no confesso fato de Vattimo basear seu pensamento na filosofia de Heidegger; contudo, sob forte influência do pensamento de Nietzsche, o filósofo italiano acaba por desvirtuar certos conceitos cruciais da filosofia heideggeriana, conduzindo-a a conclusões diametralmente opostas às suas. Vattimo assevera, assim, que há um elemento niilista que perpassa toda a (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  2. Ἀλήθεια como desvelamento: Heidegger sobre o conceito de verdade em Platão e consequente crítica.Gabriel Debatin - 2018 - Synesis 10 (1):59-74.
    O presente artigo aduz a interpretação de Martin Heidegger do conceito de ἀλήθεια – tradicionalmente traduzido por verdade – na filosofia de Platão, a partir da célebre alegoria da caverna presente na República. Segundo o posicionamento inicial de Heidegger, ἀλήθεια era originalmente pensada pelos gregos como desvelamento até Platão, com quem o sentido do termo se transforma e passa a expressar a retitude da percepção. Contudo, as críticas filológicas proferidas contra Heidegger por Paul Friedländer fizeram com que seu posicionamento histórico-filológico (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  3.  47
    Vontade de Tragédia, Tragédia da Música: Controvérsias Entre o Jovem Nietzsche E Schopenhauer.Gabriel Debatin - 2019 - Cadernos Nietzsche 40 (2):124-145.
    O presente ensaio tem como objetivo mostrar consequências teóricas de uma tensão latente entre a noção de tragédia no Nietzsche d’O nascimento da tragédia e a compreensão schopenhaueriana da música. Tal tensão se dá não apenas no âmbito de interpretações estéticas das referidas artes por parte dos filósofos mencionados, mas demonstra disparidades fundamentais no pensamento do jovem Nietzsche em relação à metafísica de O mundo como Vontade e Representação. A hipótese é que essas disparidades culminariam num ponto de cesura entre (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark