Tempo Subjetivo na Filosofia da Memória: Autonoese e Viagem no Tempo Mental

Kínesis - Revista de Estudos Dos Pós-Graduandos Em Filosofia 15 (38):241-266 (2023)
  Copy   BIBTEX

Abstract

A filosofia da memória é uma área na qual se convergem conhecimentos próprios da filosofia, assim como de evidências empíricas provenientes da área da psicologia cognitiva e das neurociências. Um dos problemas vigentes dentro da filosofia da memória se concentra na busca de uma definição precisa de nossas memórias episódicas, isto é, nossas memórias de eventos do passado. Uma característica inescapável para qualquer definição precisa da memória episódica concerne sua fenomenologia específica. Apesar de ser um elemento majoritariamente estudado na psicologia, vemos recentemente que a filosofia pode ajudar a clarificar a definição dessa fenomenologia. Além disso, as teorias filosóficas sobre a memória também têm um impacto significativo na maneira como entendemos a memória dentro das ciências empíricas. Assim, o objetivo desse artigo é a definição da fenomenologia da memória episódica, assim como a demonstração de sua fundamental importância para as teorias filosóficas mais recentes sobre a memória episódica. Acredito que através dessa clarificação, estaremos mais bem preparados para caminharmos em direção a um entendimento mútuo e interdisciplinar dessa capacidade cognitiva.

Author's Profile

Gabriel Zaccaro
Federal University of Santa Maria

Analytics

Added to PP
2023-07-28

Downloads
60 (#87,719)

6 months
60 (#63,955)

Historical graph of downloads since first upload
This graph includes both downloads from PhilArchive and clicks on external links on PhilPapers.
How can I increase my downloads?