Results for 'pensamento'

145 found
Order:
  1.  46
    No Limiar do Pensamento Social: Novas Formas de Pensar a Sociedade.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    INTRODUÇÃO Para compreender como a Sociologia nasceu e se desenvolveu, é essencial analisar as transformações que ocorreram a partir do século XIV, na Europa ocidental, marcando a passagem da sociedade feudal para a sociedade capitalista, ou a passagem da sociedade medieval para a sociedade moderna. Para isso, é necessário realizar uma pequena viagem histórica, já que, para entender as ideias de um autor e de determinada época, é fundamental contextualizá-las historicamente. Em cada sociedade, em todos os tempos, os seres humanos (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  2. ESTADO E GOVERNO NO PENSAMENTO DE MARSÍLIO DE PÁDUA: RAÍZES MEDIEVAIS DE UMA TEORIA MODERNA.J. L. Ames - 2003 - Ética and Filosofia Política 6 (2):0-0.
    This study brings light to the concepts of State and Government in the thought of Marsilio de Padua pointing out to profoundly modern institutions present in the reflection of this medieval philosopher. We attempt to show that Marsilio de Padua reflects based on Aristotle´s categories, but proposes a State and Government conception different from that common place of medieval politics as he insists on the need of the popular consent as a criterion of political legitimacy. -/- O estudo explicita os (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  3.  29
    Pensamento Singular e Atos de Pensamento Episódicos.Soutif Ludovic - 2018 - Manuscrito 41 (1):93-113.
    No debate acerca da singularidade de, pelos menos, alguns de nossos pensamentos sobre o mundo, assume-se corriqueiramente que o responsável pela natureza singular do episódio mental não é o próprio episódio e, sim, a proposição singular expressa quer por um proferimento assertórico de sentença singular autônoma, quer pela cláusula complementar em um relato de atribuição de atitude proposicional. As rotas semânticas padrão assumem que a singularidade do episódio mental (conceitual) é por assim dizer “herdada” da singularidade do conteúdo. Argumento que (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  4.  28
    Diurno e Noturno no pensamento de Gaston Bachelard.Fernando Machado - 2016 - Cadernos Do Pet Filosofia 7 (13):11-23.
    O presente artigo tem por objetivo caracterizar as duas fases do pensamento bachelardiano intituladas diurna e noturna e o modo como determinadas noções que permeiam as duas etapas da filosofia do autor configuram uma comunicação recíproca entre elas, fazendo com que haja uma troca assídua de valores entre ambas as vertentes. Deste modo, tentar-se-á demonstrar o quanto o fluxo de uma fase a outra de seu pensamento denota um sentido de completude ao invés de desconexão, negação ou mesmo (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  5. Teoria do Conhecimento e Educação no Pensamento de Jean-Jacques Rousseau.Manoel Carvalho - 2017 - Dissertation, Universidade Federal Do Ceará
    The initial problem which motivated the writing of this thesis arose from reading of Emile by Rousseau. In this work, it was possible to detect the influence of different theoretical approaches, such as rationalism and empiricism, inspiring the development of the educational plan designed by Rousseau for his imaginary student (Emile). The very core question of the present thesis regards to whether there was a theory of knowledge pertaining to Rousseau’s philosophical thinking and, if so, how it was related to (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   7 citations  
  6.  69
    Revisão de ‘OMaterial do Pensamento’ (The Stuff of Thought) por Steven Pinker (2008) (revisão revisada 2019).Michael Richard Starks - 2019 - In Delírios Utópicos Suicidas no Século XXI Filosofia, Natureza Humana e o Colapso da Civilization- Artigos e Comentários 2006-2019 5ª edição. Las Vegas, NV USA: Reality Press. pp. 76-87.
    Eu começo com alguns comentários famosos pelo filósofo (psicólogo) Ludwig Wittgenstein porque Pinker compartilha com a maioria de povos (devido às configurações padrão de nosso psychology inata evoluído) determinados preconceitos sobre o funcionamento da mente, e Porque Wittgenstein oferece insights únicos e profundos sobre o funcionamento da linguagem, pensamento e realidade (que ele viu como mais ou menos coextensivo) não encontrado em nenhum outro lugar. Ore é apenas referência a Wittgenstein neste volume, que é mais lamentável, considerando que ele (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7.  83
    Pensamento e linguagem nas afirmações condicionais.Gilberto Gomes - 2013 - D.E.L.T.A 1 (29):121-134.
    Conditional assertions are a peculiar language structure that manifests a specific cognitive operation. In order to express it, different languages have found different ways of using verb forms. Primary conditionals are here defined as those that presuppose the possibility of the falsity of both the antecedent and the consequent. In them, the truth of the antecedent appears as a sufficient condition for the truth of the consequent. The truth condition of primary conditionals is defined as the impossibility of the conjunction (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  8. Religião e política no pensamento de Maquiavel.J. L. Ames - 2006 - Kriterion: Journal of Philosophy 47 (113):51-72.
    For Machiavelli, religion is valued not by the importance of its founder, the content of its teachings, the truth of its dogmas or the significance of its rites. It is not the essence of what really matters but its function and importance for collective life. Religion teaches to recognize and respect political rules through the religious commandments. This collective norm could assume the outer coercive aspect of the military discipline as well as the inner persuasive character of civic and moral (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  9.  36
    Do comissariado de Deus à vontade do princeps': lei, autoridade e soberania no pensamento político medieval tardio.Raquel Kritsch - 2008 - Dois Pontos 5 (2).
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  10. Wittgenstein: Notas Sobre Lógica, Pensamento e Certeza.Juliano Santos do Carmo, Eduardo Ferreira das Neves Filho, Alexandre Noronha Machado, Darlei Dall'Agnol, Janyne Satler, João Vergílio Gallerani Cuter, Jonadas Techio, Rogério Saucedo & Victor Krebs - 2014 - NEPFIL online | Dissertatio's Series of Philosophy.
    O objetivo desta publicação é incentivar a produção filosófica de excelência por parte de pesquisadores notadamente influenciados pela filosofia de Wittgenstein e cujos temas possam suscitar um debate aprofundado. Além de desafiar o empreendimento filosófico contemporâneo, os temas aqui apresentados abordam questões que muitas vezes estão além daquelas consideradas por Wittgenstein em seu tempo. O leitor encontrará neste volume questões relacionadas ao ceticismo semântico e epistêmico, ao relativismo ético, às leituras literárias de Wittgenstein, ao problema das outras mentes e percepção (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  11. O Pensamento Geográfico Brasileiro.Ruy Moreira - 2008 - Editora Contexto.
    v. 1. As matrizes clássicas originárias -- v. 2. As matrizes da renovação -- v. 3. As matrizes brasileiras.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  12.  40
    Aproximando-se da distância: as principais disparidades do pensamento fraco de Vattimo ante a ontologia heideggeriana.Gabriel Debatin - 2019 - Ekstasis: Revista de Hermenêutica E Fenomenologia 8 (1):183-200.
    O presente ensaio pretende apresentar uma série de distanciamentos fundamentais entre o pensamento do italiano Gianni Vattimo, centrado no conceito de pensamento fraco, com a ontologia heideggeriana. A problemática consiste no confesso fato de Vattimo basear seu pensamento na filosofia de Heidegger; contudo, sob forte influência do pensamento de Nietzsche, o filósofo italiano acaba por desvirtuar certos conceitos cruciais da filosofia heideggeriana, conduzindo-a a conclusões diametralmente opostas às suas. Vattimo assevera, assim, que há um elemento niilista (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  13.  46
    A estrutura lógica da consciência (comportamento, personalidade, racionalidade, pensamento de ordem superior, intencionalidade).Michael Richard Starks - 2019 - In Delírios Utópicos Suicidas no Século XXI Filosofia, Natureza Humana e o Colapso da Civilization- Artigos e Comentários 2006-2019 5ª edição. Las Vegas, NV USA: Reality Press. pp. 2-8.
    Depois de meio século no esquecimento, a natureza da consciência é agora o tema mais quente nas ciências comportamentais e filosofia. Começando com o trabalho pioneiro de Ludwig Wittgenstein na década de 1930 (os livros azul e marrom) e dos anos 50 para o presente por seu sucessor lógico John Searle, eu criei a seguinte tabela como uma heurística para promover este estudo. As linhas mostram vários aspectos ou formas de estudo e as colunas mostram os processos involuntários e comportamentos (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  14.  85
    O Capitalismo e a Formação do Pensamento Clássico.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    Emanuel Isaque Cordeiro da Silva E-mails: eisaque335@gmail.com / eics@discente.ifpe.edu.br WhatsApp: (82)9.8143-8399 O CAPITALISMO E A FORMAÇÃO DO PENSAMENTO CLÁSSICO A partir do século XVI, inúmeras metamorfoses sociais divergentes entre si vêm moldando e caracterizando o sistema sociopolítico-econômico que hoje denominamos de capitalismo. A vida pragmática social ganhou novos moldes e formatos específicos, isto é, formas de produção e produtividade, de ignição, de cultura e de dispêndio foram moldados e constituídas ao longo dos últimos cinco séculos da humanidade, outorgando uma (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  15.  28
    Revisão da Religião Explicada (Religion Explained)--as origens evolucionárias do pensamento religioso por Pascal Boyer (2002) (revisão revisada 2019).Michael Richard Starks - 2019 - In Delírios Utópicos Suicidas no Século XXI Filosofia, Natureza Humana e o Colapso da Civilization- Artigos e Comentários 2006-2019 5ª edição. Las Vegas, NV USA: Reality Press. pp. 204-216.
    Você pode obter um breve resumo deste livro em p 135 ou 326. Se você não está até a velocidade na psicologia evolucionária, você deve primeiramente ler um dos textos recentes numerosos com este termo no título. Um dos melhores é "o manual da psicologia evolucionária" 2a Ed por Buss. Até cerca de 15 anos atrás, ' explicações ́ de comportamento não foram realmente explicações de processos mentais em tudo, mas bastante vago e, em grande parte, descrições inúteis do que (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  16.  37
    O Pensamento Social dos Estados Unidos: uma abordagem histórica.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    HISTÓRIA DA SOCIOLOGIA: O DESENVOLVIMENTO DA SOCIOLOGIA I -/- A SOCIOLOGIA NOS ESTADOS UNIDOS -/- -/- HISTORY OF SOCIOLOGY: THE DEVELOPMENT OF SOCIOLOGY I -/- SOCIOLOGY IN UNITED STATES -/- -/- Emanuel Isaque Cordeiro da Silva – IFPE-BJ, CAP-UFPE e UFRPE. E-mails: eisaque335@gmail.com e eics@discente.ifpe.edu.br WhatsApp: (82)9.8143-8399. -/- -/- PREMISSA -/- A Sociologia nos Estados Unidos desenvolveu-se no contexto de dois grandes eventos que marcaram profundamente a história do país. -/- O primeiro foi a Guerra de Secessão (também conhecida como (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  17.  32
    História do pensamento social na Alemanha: uma abordagem histórica.Emanuel Isaque Cordeiro da Silva - manuscript
    HISTÓRIA DA SOCIOLOGIA: O DESENVOLVIMENTO DA SOCIOLOGIA I -/- A SOCIOLOGIA NA ALEMANHA -/- -/- HISTORY OF SOCIOLOGY: THE DEVELOPMENT OF SOCIOLOGY I -/- SOCIOLOGY IN GERMANY -/- -/- -/- Emanuel Isaque Cordeiro da Silva – IFPE-BJ, CAP-UFPE e UFRPE. E-mail's: eisaque335@gmail.com e eics@discente.ifpe.edu.br. WhatsApp: (82)9.8143-8399. -/- PREMISSA -/- Na Alemanha, a Sociologia foi profundamente influenciada pela discussão filosófica, histórica e metodológica que se desenvolveu entre o final do século XIX e o início do século XX. Em seus fundamentos encontra-se (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  18. A Gênese Das Condições De Possibilidade De Toda A Síntese Teórica No Pensamento Pré-crítico De Kant.Marcos Seneda - 2013 - Educação E Filosofia 27 (Especial).
    A distinção entre conhecimento filosófico e conhecimento matemático constitui um dos temas centrais da construção do pensamento kantiano durante a década de 1760. Conquanto operasse com a distinção entre Filosofia e Matemática, Wolff não pressupunha uma radical oposição entre o modo de operação dessas duas ciências. Essa oposição radical surge pela distinção entre conceitos arbitrários e conceitos dados, que Kant propõe já em 1764, no texto Investigação sobre a evidência dos princípios da teologia natural e da moral. Tomando essa (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  19. Breve análise da relação entre escrita, fala, pensamento e coisas no primeiro capítulo do De Interpretatione.Thiago Silva Freitas Oliveira - 2010 - Prometheus 6:51-59.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  20. Aristóteles e o pensamento evolucionista.Martinho Antônio Bittencourt de Castro - 2011 - Theoria: Revista Eletrônica de Filosofia 3 (7):14-34.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  21. A Interpretação Aristotélica do Pensamento Protagoreano em MetafísicaΓ4-6.Anderson Borges - 2017 - Journal of Ancient Philosophy 11 (2):82-105.
    In Metaphysics Γ 4-6 Aristotle argues that Protagoras is committed not just to denying the PNC, but also to asserting its contrary. In this paper, I offer an analysis of this commitment. I try to show that Aristotle is working with a specific idea in mind: a Protagoreanism ontologically linked to the flux doctrine, as Plato suggested in Theaetetus 152-160.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  22. Breves considerações sobre o pensamento linguístico na Antiguidade, na Modernidade e na Contemporaneidade.Marcela Iochem Valente - 2011 - Ciências and Letras 50:195-213.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  23.  33
    Marx e o pensamento do ser: sobre uma leitura derridiana.Paulo Cesar Duque-Estrada - 2015 - O Que Nos Faz Pensar 36:107-119.
    Abstract: This article intends to address the importance of Heidegger, in Derrida's evaluation, for a rereading of Marx, around the themes of history, of being-with, of politics.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  24. Desenvolvendo o Pensamento Argumentivo Geométrico: Construindo práticas Investigativas.Sabrina Alves Boldrini Cabral - 2017 - Dissertation, PUC-Minas, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  25. Intuição e Conceito: A Transformação do Pensamento Matemático de Kant a Bolzano.Humberto de Assis Clímaco - 2014 - Dissertation, Universidade Federal de Goiás, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  26. O Problema do Pensamento no De Anima de Aristóteles.Fernanda Pereira Augusto da Silva - 2016 - Dissertation, Universidade Federal da Paraíba, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  27.  58
    Do antifinalismo providencialista ao finalismo na natureza no pensamento de Espinosa.Andrelino Ferreira dos Santos Filho - 2018 - Dissertation, UFMG, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  28. Em defesa do pensamento: modernidade e crítica às ciências sociais em Hannah Arendt.Paulo Eduardo Bodziak Junior - 2017 - Dissertation, University of Campinas, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  29. Realismos E Anti-Realismos Na Física Do Século XX: Werner Heisenberg, O Pensamento Grego E Os Debates Na Contrução da Teoria Quântica.Anderson Cleiton Fernandes Leite - 2008 - Dissertation, UNB, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  30.  77
    O Pensamento Teleológico de Immanuel Kant.Maria Célia dos Santos - 2008 - Dissertation, Universidade Federal Do Ceará, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  31.  68
    Sobre a questão do Sujeito em Michel Foucault.Marcio Miotto & Giovana Temple - 2017 - In Giovana Temple (ed.), Subjetividade no Pensamento Contemporâneo - Uma Introdução. Curitiba: Appris. pp. 227-266.
    O presente capítulo compõe a obra organizada por Giovana Temple, "Subjetividade no Pensamento do Século XX - uma introdução". Como tal, o capítulo sobre Foucault se reúne com outros de demais autores importantes sobre a questão da "subjetividade" no século XX. No capítulo em questão, aborda-se a questão do "sujeito", sob panorama geral, desde os escritos dos anos 50 até o fim da obra. A respeito dos textos dos anos 50, busca-se uma breve dedução de como os textos de (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  32. Nomes Vazios.Teresa Marques & Manuel García-Carpintero - 2014 - Compêndio Em Linha de Problemas de Filosofia Analítica.
    Os nomes próprios são termos singulares que intuitivamente indicam os objectos do discurso ou pensamento. Alguns nomes falham na sua função de referir, sem que, aparentemente, deixem de desempenhar um papel representacional. Isso é paradoxal: Por um lado, os objectos referidos deveriam fazer parte de uma caracterização correcta dos nomes próprios. Por outro lado, o significado das frases que incorporam nomes vácuos sugere que tais objectos são extrínsecos aos pensamentos transmitidos. Isto é o problema que se levanta com a (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  33.  41
    Pode haver uma filosofia Chinesa? - revisão de 'Searle's Philosophy and Chinese Philosophy' (Filosofia de Searle e Filosofia Chinesa) - Bo Mou Ed 440p (2008) (revisão revisada 2019).Michael Richard Starks - 2020 - In Entendendo as Conexões entre Ciência, Filosofia, Psicologia, Religião, Política, Economia, História e Literatura - Artigos e Avaliações 2006-2019. Las Vegas, NV USA: Reality Press. pp. 93-123.
    Este livro é inestimável como uma sinopse de algumas das obras de um dos maiores filósofos dos últimos tempos. Há muito valor em analisar suas respostas às confusões básicas da filosofia, e em tentativas geralmente excelentes de conectar o pensamento clássico chinês com a filosofia moderna. Eu tenho uma visão moderna de Wittgensteiniano para colocá-lo em perspectiva. Aqueles que querem uma estrutura completa até o momento para o comportamento humano do ponto de vista moderno de dois sistemas podem consultar (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  34.  29
    Revisão de 'Seeing Things as They Are: a Theory of Perception' (Vendo as Coisas como são: uma Teoria da Percepção) (2015) (revisão revisada 2019).Michael Richard Starks - 2020 - In Entendendo as Conexões entre Ciência, Filosofia, Psicologia, Religião, Política, Economia, História e Literatura - Artigos e Avaliações 2006-2019. Las Vegas, NV USA: Reality Press. pp. 56-92.
    Como tantas vezes na filosofia, o título não só estabelece a linha de batalha, mas expõe os preconceitos e erros do autor, pois se podemos ou não entender o jogo de linguagem 'Ver as coisas como elas são' e se é possível ter uma "teoria filosófica" de percepção" (que é Pode ser sobre como a linguagem da percepção funciona), ao contrário de uma científica, que é uma teoria sobre como o cérebro funciona, são exatamente os problemas. Este é o Searle (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  35.  9
    Human Ethology, Evolutionary Psychology, The Genders.Hartmut Karl Kaiser - manuscript
    Etologia: Evolução da Música, Rir, Chorar, Corar, Paralelos à Filosofia Friedrich Nietzsche, Pensamento Simbólico, Os Géneros .
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  36.  95
    A Estrutura Lógica da Consciência.Michael Richard Starks - 2020 - Las Vegas, NV USA: Reality Press.
    É minha afirmação que a tabela da intencionalidade (racionalidade, mente, pensamento, linguagem, personalidade etc.) que apresenta proeminentemente aqui descreve mais ou menos precisamente, ou pelo menos serve como um heurista para, como pensamos e nos comportamos, e por isso engloba não meramente filosofia e psicologia, mas tudo o resto (história, literatura, matemática, política etc.). Note especialmente que a intencionalidade e a racionalidade como eu (juntamente com Searle, Wittgenstein e outros) a vêem, inclui tanto ações ou reflexos automatizados inconscientes do (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  37.  68
    A Estrutura Lógica do Comportamento Humano.Michael Richard Starks - 2020 - Las Vegas, NV USA: Reality Press.
    É minha afirmação que a tabela da intencionalidade (racionalidade, mente, pensamento, linguagem, personalidade etc.) que apresenta proeminentemente aqui descreve mais ou menos precisamente, ou pelo menos serve como um heurista para, como pensamos e nos comportamos, e por isso engloba não meramente filosofia e psicologia, mas tudo o resto (história, literatura, matemática, política etc.). Note especialmente que a intencionalidade e a racionalidade como eu (juntamente com Searle, Wittgenstein e outros) a vêem, inclui tanto ações ou reflexos automatizados inconscientes do (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  38.  31
    A Estrutura Lógica da Consciência.Michael Richard Starks - 2020 - Las Vegas, NV USA: Reality Press.
    É minha afirmação que a tabela da intencionalidade (racionalidade, mente, pensamento, linguagem, personalidade etc.) que apresenta proeminentemente aqui descreve mais ou menos precisamente, ou pelo menos serve como um heurista para, como pensamos e nos comportamos, e por isso engloba não meramente filosofia e psicologia, mas tudo o resto (história, literatura, matemática, política etc.). Note especialmente que a intencionalidade e a racionalidade como eu (juntamente com Searle, Wittgenstein e outros) a vêem, inclui tanto ações ou reflexos automatizados inconscientes do (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  39. Física e Filosofia Antiga em Werner Heisenberg: apropriações do legado clássico por um físico do século XX.Anderson Cleiton Fernandes Leite & Samuel Simon - 2013 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 11:21-31.
    O objetivo deste artigo é analisar os usos que Werner Heisenberg fez da filosofia grega em sua obra. Pretende-se relacionar tais usos não apenas com a argumentação interna presente nos textos do físico alemão, mas também com o contexto histórico, conflitos e debates entre as diversas interpretações da teoria dos quanta durante a primeira metade do século XX. Faremos, inicialmente, uma apresentação geral da teoria quântica e da presença da filosofia na obra de Heisenberg e, em seguida, um estudo de (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  40.  52
    Zenão e a impossibilidade da analogia (versão ampliada).Alessio Gava - 2014 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 12:25-30.
    NOTA PRELIMINAR: o texto a seguir representa a versão ampliada (e corrigida conforme as indicações dos pareceristas) do artigo homônimo, publicado na revista Archai em 2014. Por algum problema técnico, acabou sendo publicada, na época, a primeira versão, sem as melhorias sugeridas pelos avaliadores. Eis, então, a versão ‘definitiva’ do artigo “Zenão e a impossibilidade da analogia”: -/- A reductio ad absurdum foi elevada por Zenão de Eléia a único método que permitiria vislumbrar a verdadeira realidade, invisível tanto aos sentidos (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  41.  43
    AS SOMBRAS CEGAS DE NARCISO (um estudo psicossocial sobre o imaginário coletivo).Roberto Thomas Arruda (ed.) - 2020 - Terra à Vista.
    No presente trabalho, vamos abordar algumas das questões essenciais sobre o imaginário coletivo e suas relações com a realidade e a verdade. Devemos encarar esse assunto em uma estrutura conceptual, seguida pela análise factual correspondente às realidades comportamentais demonstráveis. Adotaremos não apenas a metodologia, mas principalmente os princípios e proposições da filosofia analítica, que com certeza serão evidentes ao longo do estudo e podem ser identificados pelos recursos descritos por Perez[1] : Rabossi (1975) defende a ideia de que a filosofia (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  42. Fundamentos Schelerianos da Logoterapia.Nathalie de la Cadena & Gustavo Castañon - 2020 - Phenomenology, Humanities and Sciences 1 (1):121-131.
    Resumo: A Logoterapia proposta por Viktor Frankl está fundamentada na teoria dos valores e antropologia de Max Scheler. Frankl constrói seu pensamento psicológico baseado em conceitos-chave do pensamento scheleriano como (i) o valor e os bens, (ii) o querer e os sentimentos, (iii) a hierarquia de valores e (iv) a ideia de pessoa. É com eles que desenvolve suas teses originais da (i) motivação espiritual da ação humana, (ii) busca de sentido e (iii) inconsciente espiritual. Ao fazê-lo, ofereceu (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  43.  35
    A Teoria da Demonstração Científica de Aristóteles em Segundos Analíticos 1.2-9 e 1.13.Davi Bastos - 2020 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 30:e03021.
    I defend an interpretation of Aristotle’s Posterior Analytics Book I which distinguishes between two projects in different passages of that work: (i) to explain what a given science is and (ii) to explain what properly scientific knowledge is. I present Aristotle’s theory in answer to ii, with special attention to his definition of scientific knowledge in 71b9-12 and showing how this is developed on chapters I.2-9 and I.13 into a solid Theory of Scientific Demonstration. The main point of this theory (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  44. Explanation and Method in Eudemian Ethics I.6.Lucas Angioni - 2017 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 20:191-229.
    I discuss the methodological passage in the begin- ning of Ethica Eudemia I.6 (1216b26-35), which has received attention in connection with Aristotle’s notion of dialectic and his methodology in Ethics. My central focus is not to discuss whether Aristotle is prescribing and using what has been called the method of endoxa. I will focus on how this passage coheres with the remaining parts of the same chapter, which also are advancing methodological remarks. My claim is that the meth- od of (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark   5 citations  
  45.  17
    L’infinité et l’idéalité du fini : une lecture sur la théorie de la véritable infinité dans la Science de la logique.Arif Yildiz - 2020 - In D. Ferrer F. Orsini M. Bordignon A. Bavaresco C. Iber (ed.), A Autobiografia do Pensamento. A Ciência da Lógica de Hegel. Brasília - Brasilia, Federal District, Brazil: pp. 143-166.
    Le passage spéculatif de la catégorie du mauvais infini dans le véritable infini reste l’un des plus importants dans la Science de la logique. Comme il est bien connu, ce passage est expliqué par Hegel à travers sa théorie de l’idéalité du fini. Pourtant, du fait de sa structure complexe, le surgissement du véritable infini au sein du fini par l’idéalisation peut être considéré comme un processus abstrait, consistant seulement à supprimer la dualité de l’infinité. Cet article se propose donc (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  46.  29
    Socrates, Vlastos, Scanlon and the Principle of the Sovereignty of Virtue.Daniel Simão Nascimento - 2020 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 3 (30):1-25.
    Abstract: This article offers a new formulation of the Socratic principle known as the Principle of the Sovereignty of Virtue (PSV). It is divided in three sections. In the first section I criticize Vlastos’ formulation of the PSV. In the second section I present the weighing model of practical deliberation, introduce the concepts of reason for action, simple reason, sufficient reason and conclusive reason that were offered by Thomas Scanlon in Being realistic about reasons (2014), and then I adapt these (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  47. Explanation and Essence in Posterior Analytics II 16-17.Breno Andrade Zuppolini - 2018 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 24:229-264.
    In Posterior Analytics II 16-17, Aristotle seems to claim that there cannot be more than one explanans of the same scientific explanandum. However, this seems to be true only for “primary-universal” demonstrations, in which the major term belongs to the minor “in itself” and the middle term is coextensive with the extremes. If so, several explananda we would like to admit as truly scientific would be out of the scope of an Aristotelian science. The secondary literature has identified a second (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark   2 citations  
  48.  12
    Viés de confirmação ou tipo ideal: a formação das redes conceituais na metodologia weberiana.Henrique F. F. Custódio - 2020 - In Marcos César Seneda & Henrique F. F. Custódio (eds.), Ciência como vocação: racionalidades e irracionalidades no velho e no novo mundo. Porto Alegre, RS, Brasil: Editora Fi. pp. 241-261.
    No capítulo, o autor tem por objetivo apresentar a concepção de determinados ordenamentos metodológicos na teoria weberiana que impeçam a identificação dos fatos estudados com possíveis juízos de valor do pesquisador. Esse modo de construção de conceitos, formado como tipo ideal e aplicado como padrão de medida, será utilizado em seu cotejo com os dados para descobrir a natureza da variação na cadeia causal dos eventos analisados. Passando por textos centrais do pensamento teórico-metodológico weberiano, o autor procura relê-los a (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  49. A pré-história da significação de ousia: Uma análise da interpretação heideggeriana de ousia enquanto presentidade (Anwesenheit).Estevão Lemos Cruz - 2019 - Archai: Revista de Estudos Sobre as Origens Do Pensamento Ocidental 25:1-24.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  50. Quatro Desafios Céticos ao Saber.Luis R. G. Oliveira - forthcoming - In Antonio José Pêcego (ed.), Direito e Filosofia: Em Busca do Saber. Uberlândia, State of Minas Gerais, Brazil:
    O ceticismo é por vezes descartado como uma doutrina absurda e merecedora do seu lugar distante na antiguidade. Nada poderia ser menos correto. O ceticismo continua extremamente relevante para o pensamento filosófico e científico de hoje, servindo como um lembrete de que a sabedoria não é barata nem segura. Nesse texto, o meu objetivo principal é reproduzir o raciocínio das discussões clássicas sobre o ceticismo, mas de uma maneira coloquial e contemporânea. Após seguir as linhas de pensamento de (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
1 — 50 / 145