Results for 'Marcio Luiz'

94 found
Order:
See also
Marcio Miotto
Universidade Federal Fluminense
  1. A Psicologia entre o longo passado e a curta história.Marcio Luiz - 2018 - Dissertatio 47:95-134.
    O presente trabalho pretende inserir a História da Psicologia dentro de um debate mais alargado, em torno das Histórias da Filosofia e das Ciências. Para isso, o objeto de análise é a célebre frase de Ebbinghaus, 'A Psicologia tem um longo passado, mas uma curta história', e toda a tradição de livros e textbooks decorrente dela, muito popular nos séculos XX e XXI. O trabalho analisará o texto de Ebbinghaus e seus compromissos decorrentes. Então realizará uma crítica a essa tradição, (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  2. Histórias das ciências e os “fundamentos históricos” da Psicologia.Marcio Luiz - 2018 - Temporalidades 10 (1):129-158.
    RESUMO: O presente texto põe algumas questões referentes à “história” dos fundamentos da Psicologia entre os séculos XIX e XX, mostrando como ocorrem ainda, em História da Psicologia, certos fatores controversos, muitos deles tributários de postulados filosóficos do século XIX, especialmente em torno do positivismo. O artigo concentra-se em mostrar, preliminarmente, de que forma a ruptura da Filosofia Natural e a ascensão da figura do “cientista” no século XIX ensejaram novos motivos de análise, dentre eles certo cientificismo que se impôs (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  3. Sobre o Infinito Na Idade Clássica Em Michel Foucault.Marcio Miotto - 2013 - Revista Ideação 27 (1):157-186.
    Nos textos escritos por Foucault durante os anos 60, a problemática antropológica amparava-se, dentre outros fatores, no argumento segundo o qual a modernidade se constitui a partir de uma “finitude constituinte” a substituir um “infinito originário”. A questão do infinito teria, portanto, duas funções: a descrição da epistémê clássica e a própria comparação desta com a epistémê moderna. Entretanto, em As Palavras e as Coisas o capítulo que abre as considerações sobre o período clássico não considera, em suas linhas maiores, (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  4.  94
    Os a priori da Psicologia em História da Loucura.Marcio Miotto - 2005 - Acheronta 22:282-290.
    O artigo busca trabalhar um aspecto pouco explorado da argumentação de "História da Loucura": a questão, brevemente enunciada por Foucault, de um "a priori concreto" das ciências "psi". Nisso, serão trabalhadas duas questões principais, a saber: a do estatuto do conhecimento sobre as doenças mentais como tributário de uma demanda moral (não científica), e a do estatuto do médico como "cientista" da loucura. Dentro desses dois âmbitos críticos, o Foucault que escreve seu primeiro grande livro não poupa nem mesmo o (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  5. A Crítica À Psicologia Em História da Loucura.Marcio Miotto - 2005 - Dissertation, Universidade Federal Do Paraná
    Essa dissertação é resultado de um projeto maior, intitulado “Sobre a Morte do Homem e a Psicologia, em Michel Foucault”. Esse projeto busca analisar as diversas nuances argumentativas empregadas por Foucault nas críticas às “antropologias”, figuradas em seus livros ditos “arqueológicos”. Para isso, parte-se de uma dupla problematização: a autocrítica feita pelo próprio Foucault a seus escritos dos anos 50, tributários de querelas epistemológicas e de fundação da psicologia e das ciências humanas; e a descrição mesma dessas querelas, tomando como (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  6. A Consciência Entre o Formalismo E a Psicologia, Em Sartre.Marcio Miotto - 2008 - AdVerbum 3 (2):144-155.
    O presente artigo pretende problematizar, nos três primeiros livros filosóficos de Sartre, a noção de consciência, em torno de um duplo horizonte de interlocução: o legado “formalista” kantiano, e os diversos projetos de “ciência psicológica” existentes nos séculos XIX e XX. Para isso, recompõem-se esses dois horizontes a partir do panorama feito por Sartre desde o momento cartesiano, discutindo as diferentes filosofias da subjetividade e culminando na noção de “intencionalidade”, formulada por Husserl. A noção de consciência intencional serviria como referência (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  7. De Canguilhem a Foucault, em torno da Psicologia.Marcio Miotto - 2019 - Cadernos de Ética E Filosofia Política 35 (2):112-142.
    O presente trabalho pretende comparar o debate ocorrido entre Georges Canguilhem e Robert Pagès em Qu’est-ce que la Psychologie?, de 1956, com os escritos de Michel Foucault publicados nos anos 1950. Para isso, após alguns apontamentos históricos, faz-se uma breve análise dos textos de Foucault publicados em 1954, Maladie Mentale et Personnalité e a Introduction à Le Rêve et l’Existence. Os textos de Foucault são então confrontados com o debate entre Canguilhem e Robert Pagès, que por sua vez são analisados (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  8.  63
    Gustav Fechner e a Alma do Mundo.Marcio Miotto - 2020 - Revista Helius 3 (2):852-906.
    O presente trabalho pretende delinear a noção de Panpsiquismo no projeto filosófico de Gustav Theodor Fechner, especialmente a partir da análise do livro Über die Seelenfrage, de 1861. Para isso, o artigo repõe em linhas gerais a questão das relações entre seu projeto filosófico e a Psicofísica, uma vez que as interpretações clássicas sobre Fechner geralmente enxergam essas duas competências como separadas. Em segundo lugar, o artigo situa questões históricas sobre Fechner e a Psicologia (e sobre filosofia e ciência), bem (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  9. O Problema Do Homem E a Dispersão da Psicologia.Marcio Miotto - 2007 - AdVerbum 2 (2):128-136.
    Esse artigo busca oferecer um panorama de problemas relativos à existência da psicologia, a partir das questões de sua unidade, especificidade e objetividade. Para isso, analisam-se breves menções a figuras clássicas de sua história (como Wundt, Comte, Watson e Vygotsky), mostrando ambigüidades constitutivas do próprio “nascimento” da psicologia como disciplina “una” e “científica”. Ao perguntar sobre as razões da dispersão da psicologia, seu estatuto ambíguo e seu objeto “complexo”, abrimos no final o problema de que, mais do que resolver internamente (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  10.  90
    Sobre a Alteridade e a Exclusão no Trabalho.Marcio Miotto - 2003 - Acheronta – Revista de Psicoanálisis y Cultura 18:160-163.
    O texto trabalha a questão da alteridade em torno de alguns fatores históricos ligados ao "homem moderno", tomando como base escritos tais como os de Michel Foucault e os debates ocorridos desde o lançamento de Império, no início dos anos 2000. Depois descreve como esses fatores ligados à alteridade também dizem respeito às transformações ocorridas no mundo do trabalho durante as últimas décadas.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  11. Sobre a questão do Sujeito em Michel Foucault.Marcio Miotto & Giovana Temple - 2017 - In Giovana Temple (ed.), Subjetividade no Pensamento Contemporâneo - Uma Introdução. Curitiba: Appris. pp. 227-266.
    O presente capítulo compõe a obra organizada por Giovana Temple, "Subjetividade no Pensamento do Século XX - uma introdução". Como tal, o capítulo sobre Foucault se reúne com outros de demais autores importantes sobre a questão da "subjetividade" no século XX. No capítulo em questão, aborda-se a questão do "sujeito", sob panorama geral, desde os escritos dos anos 50 até o fim da obra. A respeito dos textos dos anos 50, busca-se uma breve dedução de como os textos de 1954 (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  12.  86
    Algumas considerações sobre a noção construtiva de verdade.André Porto & Luiz Pereira - 2003 - O Que Nos Faz Pensar:107-123.
    This paper deals with the recent Swedish proposals of a Intuitionistic notion of Truth, by Dag Prawitz and Per Martin-Löf.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   2 citations  
  13. Experimento E Matemática Na Lei Da Queda Dos Corpos De Galileu Galilei.Márcio Correia dos Santos - 2018 - Dissertation, University of Campinas (Unicamp)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  14.  68
    O caso Galileu: um estudo sobre ciência e fé como compreensão do método científico e seus reflexos na atualidade.Márcio Correia dos Santos - 2018 - Revista Instante 1 (2):38-56.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  15.  33
    A Face Sortílega do Desejo: Considerações Sobre o Animismo, a Magia e a Feitiçaria.Luiz Fernando Duran Iório - 2019 - Basilíade - Revista de Filosofia 1 (1):41-52.
    O objetivo central deste estudo é fazer ressaltar as características dos conceitos de animismo, magia e feitiçaria a partir das perspectivas de Sigmund Freud e Bronislaw Malinowski. Em um primeiro momento, analisaremos o animismo. Em seguida, uma vez que as observações etnográficas de Malinowski divergem daquelas de Freud, examinaremos a magia e a feitiçaria com a finalidade de verificar não somente as divergências, mas também as convergências e as aproximações possíveis que existem entres estes dois pensadores e os próprios conceitos (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  16.  70
    A superação da dicotomia céu-terra: um estudo da crítica Galileana à física e à cosmologia aristotélicas.Luiz Antonio Brandt - 2011 - Dissertation, Unioeste, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  17. NATUREZA E MOVIMENTO EM GALILEU: críticas à concepção aristotélica de movimento natural.Luiz Antonio Brandt - 2013 - XVI Semana Acadêmica de Filosofia da Unioeste.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  18. Liberdade e conflito: o confronto dos desejos como fundamento da ideia de liberdade em Maquiavel.José Luiz Ames - 2009 - Kriterion: Journal of Philosophy 50 (119):179-196.
    O artigo parte da enunciação da tese de que ao desejo desmesurado dos grandes pela apropriação/dominação absoluta opõe-se um desejo não menos desmesurado e absoluto do povo de não sê-lo: dois desejos de natureza diferente que não são nem o desejo das mesmas coisas nem desejo de coisas diferentes, mas desejos cujo ato de desejar é diferente. Considerando que cada desejo visa sua efetividade absoluta, cada um tenta impor-se universalmente tornando-se duplamente absoluto: por um lado tende à dominação total (os (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   2 citations  
  19. "Ser Que Pode Ser Compreendido É Linguagem": A Ontologia Hermenêutica de Hans-Georg Gadamer.Luiz Rohden - 2000 - Revista Portuguesa de Filosofia 56 (3/4):543 - 557.
    Este artigo constitui uma reflexão acerca desta central e controversa afirmação contida na terceira parte de Verdade e Método segundo a qual "ser que pode ser compreendido é linguagem". Depois de apresentar uma tríplice leitura dessa mesma afirmação, concretamente na sua dimensão platónica, kantiana, e hegeliana, o artigo procura sobretudo desenvolver uma leitura ontológica da mesma. É assim que, partindo dessa tríplice leitura, o presente trabalho intenta justificar e fundamentar a Ontologia hermenêutica de Gadamer, a qual considera ser, para além (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  20. UMA TEORIA DO CONFLITO: MAQUIAVEL E MARX.José Luiz Ames - 2008 - Educere Et Educare 3 (6):55-66.
    This article intends to establish a contact between two proscribed thinkers: Machiavelli and Marx. Although apart in time and in political vision, they offer the possibility of a reflection which is able to provide mutual fecundation. We want to show that Machiavelli’s pessimism and Marx’s optimism both derive from the diverse understanding of what provokes the fundamental division of society into two fundamental antagonistic groups. Whereas one treats it as a division of opposite desires, to the other it is determined (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  21.  12
    Escola, cárcere e pandemia: o que pode uma educação filosófica?Walter Omar Kohan & Márcio Nicodemos - 2021 - Revista Eletrônica de Educação 15:1-15.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  22. A relação entre a Alma e o Cuidado de Si no Alcibíades I de Platão.Luiz Felipe da Silva Carvalho - 2015 - Dissertation, UFF, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  23. Review: ENGELMANN, M. Wittgenstein's Philosophical Development. [REVIEW]Luiz H. S. Santos & Marcos Silva - 2018 - Argumentos 20:204-210.
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  24. A noção de causalidade final na filosofia da natureza de Aristoteles.Luis Marcio Nogueira Fontes - 2005 - Dissertation, University of Campinas
    This MA thesis investigates Aristotle's natural teleology, its presuppositions and implications. In order to achieve a better understanding of his theory, a study of the criticisms he addresses to his predecessors - Platonists and materialists - is made. On the one hand, Aristotle exposes thoses theories for not being able to explain certain natural facts, such as the constancy of reproduction; on the other, he finds the origin of this deficiency in the emphasis these philosophers give to one cause alone (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  25. A Pesquisa Científica E a Psicologia.Michel Foucault & Marcio Miotto - Tradutor - 2010 - Espaço Michel Foucault.
    As múltiplas psicologias que pretendem descrever o homem dão a impressão de ser tentativas desordenadas. Elas pretendem se construir a partir das estruturas biológicas e reduzem seu objeto de estudo ao corpo ou o deduzem das funções orgânicas; a pesquisa psicológica não é mais que um ramo da fisiologia (ou de um domínio dela): a reflexologia. Ou então elas são reflexivas, introspectivas, fenomenológicas e o homem é puro espírito. Elas estudam as diversidades humanas e descrevem a evolução da criança, as (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  26. Nascimentos da Psicologia: A Natureza E o Espírito.Paul Mengal & Marcio Miotto - Tradutor - 2015 - Ideação 32:259-288.
    Desde sua constituição como domínio do saber no fim do século XVI, a psicologia divide-se rapidamente em duas tendências com orientações diferentes. A primeira, de inspiração naturalista, situa-se no prolongamento do comentário da Física aristotélica e se desenvolve principalmente nas universidades protestantes de Marburgo e Leiden. Nesses estabelecimentos onde reinava então um espírito humanista, racionalista e tolerante, toma lugar a primeira forma de dualismo da alma e do corpo. Mas na mesma época, em círculos místicos e herméticos, desenvolve-se uma outra (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  27. Para uma Historia da Psicologia.Paul Mengal & Marcio Miotto - Tradutor - jul-dez 2016 - Ideação 34:355-374.
    A história da psicologia, tal como aparece em algumas obras (E.G. Boring 1950; M. Reuchlin 1957; P. Fraisse e J. Piaget 1963) ou em capítulos introdutórios de alguns manuais (M. Reuchlin 1977), reflete uma adesão — raramente discutida — a uma concepção internalista. Segundo essa concepção, a psicologia seria animada por uma dinâmica própria, um processo evolutivo totalmente endógeno, e seria independente de fatores externos tais como os domínios religiosos, sociopolíticos e econômicos. Além do mais, os partidários dessa história aceitam (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  28. Paraconsistent Belief Revision Based on a Formal Consistency Operator.Rafael R. Testa, Marcelo E. Coniglio & Márcio M. Ribeiro - 2015 - CLE E-Prints 15 (8):01-11.
    In this paper two systems of AGM-like Paraconsistent Belief Revision are overviewed, both defined over Logics of Formal Inconsistency (LFIs) due to the possibility of defining a formal consistency operator within these logics. The AGM° system is strongly based on this operator and internalize the notion of formal consistency in the explicit constructions and postulates. Alternatively, the AGMp system uses the AGM-compliance of LFIs and thus assumes a wider notion of paraconsistency - not necessarily related to the notion of formal (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark   1 citation  
  29. Horizons de la signification.Luiz Francisco Dias - 2021 - Cours de Sémantique Argumentative.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  30.  11
    Unit Roots: Bayesian Significance Test.Julio Michael Stern, Marcio Alves Diniz & Carlos Alberto de Braganca Pereira - 2011 - Communications in Statistics 40 (23):4200-4213.
    The unit root problem plays a central role in empirical applications in the time series econometric literature. However, significance tests developed under the frequentist tradition present various conceptual problems that jeopardize the power of these tests, especially for small samples. Bayesian alternatives, although having interesting interpretations and being precisely defined, experience problems due to the fact that that the hypothesis of interest in this case is sharp or precise. The Bayesian significance test used in this article, for the unit root (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  31.  48
    È Possibile Discutere di Etica a Partire da Timore E Tremore? Un’Analisi Su Kierkegaard.Marcio Gimenes de Paula - 2018 - Journal of Philosophical Criticism 1 (1):31-45.
    The story of Abraham – and the divine command to sacrifice his son Isaac – is, as many of us know, the source of inspiration for some reflections of Kierkegaard in his work Fear and Trembling. From this episode, Johannes de Silentio, the pseudony- mous author of the work, who makes an ode to faith as the highest of the passions, also wonders about a problem that, according to his interpretation, seems central, i.e. the teleological suspension of morality. The objective (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  32.  8
    Cointegration: Bayesian Significance Test Communications in Statistics.Julio Michael Stern, Marcio Alves Diniz & Carlos Alberto de Braganca Pereira - 2012 - Communications in Statistics 41 (19):3562-3574.
    To estimate causal relationships, time series econometricians must be aware of spurious correlation, a problem first mentioned by Yule (1926). To deal with this problem, one can work either with differenced series or multivariate models: VAR (VEC or VECM) models. These models usually include at least one cointegration relation. Although the Bayesian literature on VAR/VEC is quite advanced, Bauwens et al. (1999) highlighted that “the topic of selecting the cointegrating rank has not yet given very useful and convincing results”. The (...)
    Download  
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  33. Implicações Filosóficas da Tríade Mundo, Corpo e Mente: Função Intemporal dos Saltos Representacionais e Cérebro Global.Gustavo Luiz Gava - 2017 - Dissertation, PUC-PR, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  34.  84
    Considerações sobre a Noção Construtiva de Verdade.André Porto & Luiz Carlos Pereira - 2003 - O Que Nos Faz Pensar 17:107-123.
    O artigo discute as recentes propostas de uma noção construtivista de verdade que não se confunda com condições de assertabilidade.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  35.  10
    BACON E A INDUÇÃO POR SUBTRAÇÃO COMO NOVO MÉTODO INDUTIVO NA FUNDAÇÃO DO EMPIRISMO MODERNO.Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2020 - Revista Filosofia Capital 15 (22):21-35.
    Defendendo a união entre a razão e a experiência como a possibilidade de instauração do desenvolvimento científico, Bacon se contrapõe à indução aristotélica enquanto procedimento que implica a enumeração de casos particulares tendo em vista o objetivo de encontrar o geral existente em todos e em cada um deles em um processo que se detém na soma de fatos, limitando-se à comunicação, na medida em que não tem capacidade de empreender a descoberta do conhecimento. Dessa forma, sobrepondo-se ao acúmulo de (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  36.  4
    Os ídolos da caverna e a sociedade contemporânea: do narcisismo biopsicocultural.Luiz Carlos Mariano Da Rosa - 2011 - Cadernos Zygmunt Bauman 1 (2):71-80.
    Correlacionando-a à sociedade contemporânea, o artigo em questão acena com a leitura dos ídolos da caverna [Bacon], detendo-se especificamente na questão que envolve a natureza do indivíduo, cuja tendência não se impõe senão para adaptar ao arcabouço de sua perspectiva o conteúdo resultante do processo de endoculturação, convergindo, em suma, para as fronteiras da dogmatização, conforme assinala a emergência do cientificismo materialista que, em nome do progresso, institui a crença nos pressupostos tecnocientíficos, propondo a credibilização das referencialidades do arcabouço da (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  37.  19
    A vontade geral e o sistema autogestionário: necessidade, possibilidade e desafios.Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2017 - Revista Opinião Filosófica 8 (1):476-509.
    Consistindo em um processo ético-jurídico de deliberação coletiva, o que se impõe à manifestação da Vontade Geral como um fenômeno histórico-cultural é a condição de imanência que a caracteriza em um movimento dinâmico-dialético que demanda uma formação econômico-social que possibilite a emergência de valores e práticas, condutas e comportamentos, necessidades e objetivos que, tendo como fundamento o interesse comum, se lhe correspondam, convergindo para uma forma de autodeterminação que guarda possibilidade de promover a superação da alienação das capacidades humanas no (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  38.  11
    Do Bem Comum da Visão Platônico-Aristotélica à Lógica Hobbesiana do Contrato Social.Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2013 - Revista Opinião Filosófica 4 (1):267-298.
    Detendo-se na investigação dos dois grandes modelos que caracterizam o pensamento político, a saber, o modelo clássico e o modelo jusnaturalista, o artigo em questão, distinguindo no âmbito daquele as teorias idealistas e realistas, empreende uma abordagem que nas fronteiras deste último sublinha desde a questão que envolve Como nasceu o Estado?, proposta pela perspectiva historicista, que traz como fundamento o homem como animal político, até a leitura racionalista, que acena com o problema Por que existe o Estado?, identificando o (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  39.  18
    Do Projeto Crítico Kantiano: os Direitos da Razão entre a Lógica da Verdade e a Lógica da Aparência.Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2014 - Revista Opinião Filosófica 5 (2):85-109.
    Sobrepondo uma concepção crítica envolvendo os fundamentos do saber às ontologias dogmáticas que se impõem ao trabalho que implica a apreensão das questões filosóficas, o projeto kantiano propõe o fim da filosofia como construção metafísica e a necessidade de se lhe atribuir uma tarefa teórica de caráter essencialmente genealógico e crítico, no sentido que encerra a legitimação do conhecimento racional através da análise das faculdades que se lhe estão atreladas, conforme assinala o artigo, que se detém nos direitos da razão (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  40.  9
    Da Revolução Copernicana.Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2011 - Revista Opinião Filosófica 2 (2):34-51.
    O artigo em questão se detém nas implicações epistemológicas da revolução copernicana de Immanuel Kant, cuja perspectiva, emergindo das fronteiras que inter-relacionam o racionalismo de Leibniz, o empirismo de Hume e a ciência positiva físico-matemática de Newton, instaura o horizonte do idealismo transcendental, estabelecendo a correlação fundamental envolvendo o sujeito e o objeto do conhecimento.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  41.  7
    A vela e o caminho (da construção coletiva do saber).Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2011 - Revista Teias, Programa de Pós-Graduação Em Educação 12 (25):238-258.
    O artigo em questão se detém no método baconiano, que emerge através do Novum Organum (ou Verdadeiras Indicações acerca da Interpretação da Natureza) e acena com a pretensão de possibilitar o verdadeiro progresso da ciência, que demanda, em suma, a erradicação das predisposições para o erro, dos preconceitos e das noções falsas que impedem o acesso à verdade, dos “ídolos”, enfim, segundo a leitura de Bacon, que propõe o controle científico sobre a natureza como fator determinante da harmonia e do (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  42.  5
    Da “revolução copernicana” (do verdadeiro “idealismo transcendental”).Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2011 - Revista Intuitio, Programa de Pós-Graduação Em Filosofia da PUC/RS 4 (1):117-133.
    O artigo em questão se detém nas implicações epistemológicas da revolução copernicana de Immanuel Kant, cuja perspectiva, emergindo das fronteiras que inter-relacionam o racionalismo de Leibniz, o empirismo de Hume e a ciência positiva físico-matemática de Newton, instaura o horizonte do idealismo transcendental, estabelecendo a correlação fundamental envolvendo o sujeito e o objeto do conhecimento.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  43.  8
    Popper e a objetividade do conhecimento científico: a ciência provisória e a verdade temporária.Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2011 - Cognitio-Estudos: Revista Eletrônica de Filosofia - Philosophy Eletronic Journal 8 (1):17-28.
    Se a leitura da epistemologia clássica e a perspectiva dos adeptos do “empirismo lógico” assinalam que a ciência demanda a exclusão de tudo aquilo que não se impõe ao horizonte que envolve a dedutibilidade analítica e a verificabilidade, Karl Popper defende que mais do que saber quando e em que condição uma teoria dialoga com a verdade a relevância não acena senão para a demarcação entre ciência e não ciência, particularmente no tocante às fronteiras que abrangem a ciência que carrega (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  44.  6
    THE IDOLS OF THE CAVE AND CONTEMPORARY SOCIETY: FROM NARCISSISM BIOPSICOCULTURAL.Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2011 - Revista Filosofia Capital 6 (13):77-85.
    Correlating it to contemporary society, the article in question beckons with the reading of the idols of the cave [Bacon], holding specifically that the question involves the nature of the individual, whose trend can prevail only to adapt the framework of your perspective content resulting from the endoculturação, converging, in short, to the borders of dogma, as highlighted by the emergence of materialistic scientism, in the name of progress, establishing the techno-scientific belief in the assumptions, proposing the credibility of the (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  45.  8
    THE "COPERNICAN REVOLUTION" (THE TRUE "TRANSCENDENTAL IDEALISM").Luiz Carlos Mariano da Rosa - 2011 - Revista Opinião Filosófica / Sociedade Hegel Brasileira 2 (2):34-51.
    Article in question holds in epistemological implications of the revolution copernicana of Immanuel Kant, whose perspective, emerging of borders that inter-related rationalism of Leibniz, empiricism Hume and science positive physical-mathematics Newton, introduces the horizon of idealism transcendental, establish the correlation fundamental involving the subject and object of knowledge.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  46.  65
    Considerações Sobre a Forma Musical na Poética Composicional Contemporânea.Jorge Luiz de Lima Santos - 2019 - Dissertation, University of Campinas, Brazil
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  47. A formação do conceito moderno de Estado: A contribuição de Maquiavel.José Luiz Ames - 2011 - Discurso 41 (41):293-328.
    A formação do conceito moderno de Estado: A contribuição de Maquiavel.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  48. A função do Poder Militar na vida política segundo Maquiavel.José Luiz Ames - 2005 - Etica E Politica 8 (1):0-0.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  49.  97
    Freedom and conflict-confrontation of desires as background of the idea of freedom in Machiavelli.Jose Luiz Ames - 2009 - Kriterion: Journal of Philosophy 50 (119):179-196.
    The article works out the thesis that to the excessive desire of the powerful for the absolute appropriation/domination it is opposed a not less excessive and absolute desire from people in order not to be appropriated/dominated: two desires of a distinct nature which are neither the desire for the same things nor the desire for different things, but desires in which the act of desiring is different. Taking into account that each desire aims at its absolute effectiveness, each one of (...)
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
  50. HISTÓRIA E AçÃo POLÍTICA EM MAQUIAVEL.José Luiz Ames - 2004 - Mediações 9 (1):101-118.
    Download  
    Translate
     
     
    Export citation  
     
    Bookmark  
1 — 50 / 94